Views
1 year ago

Abril de 2017

  • Text
  • Rover
  • Projeto
  • Velar
  • Equipe
  • Tecnologia
  • Forma
  • Bonanza
  • Anos
  • Viagem
  • Apenas
Apresentação do novo New Range Rover Velar | Entre em uma das casas mais exclusivas do planeta | A relação do homem com os cães | Um passeio épico pela Ilha de Skye | O lendário Beechcraft Bonanza sobe aos céus

FIÉIS COMPANHEIROS

FIÉIS COMPANHEIROS “OS CÃES É um cenário que a maioria dos donos de cães conhece e adora: o automóvel preparado, o depósito cheio, a agenda livre e o seu PARTILHAM O leal amigo andando alegremente em círculos NOSSO SENTIDO em torno dos seus pés, antecipando ansiosamente o aceno familiar que indica o início de DE AVENTURA, uma nova viagem. Ir passear com o seu cão é CONOSCO uma daquelas situações do dia a dia difíceis de explicar e que revelam o melhor da relação antiga entre o homem e o seu animal de PARA NOVAS estimação. Uma recente descoberta nas escavações DESCOBERTAS” de Blick Mead, perto do monumento pré-histórico de Stonehenge, no sul de Inglaterra, contribuiu para elucidar que esse laço de amizade é realmente único – e antigo. Enterrado entre pedras queimadas, antigas ferramentas de madeira e ossos de auroques fossilizados, foi descoberto um dente de cão pelos arqueólogos que trabalhavam nas escavações lamacentas do local, junto à rodovia principal A303. O fóssil, descobriram, pertencia a um cão mais ou menos do tamanho de um pastor alemão que provavelmente encontrou a sua última morada em Stonehenge há cerca de 7500 anos. Além disso, as análises demonstraram que o misterioso canino tinha bebido água da zona de Vale de York, a cerca de 400 quilômetros de distância – isso indica que ele teria feito uma das primeiras viagens de que há registro na Grã-Bretanha para acabar subterrado em Blick Mead. Isto permitiu aos pesquisadores chegarem a uma conclusão extraordinária: é provável que o cão tenha feito a viagem árdua de York a Stonehenge como cão de caça, abanando a cauda ao lado do seu dono pré-histórico enquanto a dupla se dirigia ao sul. O dente de Stonehenge, disseram, é a mais antiga prova na história britânica de um humano passeando com um cão domesticado. Essas primeiras viagens de companheirismo entre humanos e animais deveriam ter apenas um objetivo puramente prático. Os primeiros cães domesticados, dizem os pesquisadores, serviam de cães de guarda e parceiros de caça, ajudando as sociedades primitivas a procurar caça e a defender os territórios contra predadores e inimigos. Avançando alguns milhares de anos, essa relação mudou profundamente. À medida que a sociedade amadureceu, a ligação entre o homem e o seu melhor amigo também evoluiu. “Passear com o cão” já não é apenas um meio de sobrevivência, mas um ingrediente básico no estilo de vida NÃO HÁ MELHOR VEÍCULO DO saudável de centenas de milhões de donos QUE UM LAND ROVER PARA de cães – e cães – felizes em todo o mundo. APROVEITAR AO MÁXIMO A VIDA Nos últimos anos, os pesquisadores COM O SEU CÃO chegaram à conclusão do quanto essa Os engenheiros e projetistas da relação é benéfica. Estudos demonstraram Land Rover estão constantemente à que os donos de cães usufruem de vários procura de novas funcionalidades benefícios sociais e de saúde decorrentes especifica mente destinadas aos de passear com os cães, incluindo melhor donos de cães e estão a caminho condição física, pressão arterial mais baixa desenvolvimentos emocionantes. Para e menores níveis de desgaste. Como companheiros imparciais de caminhadas pelas ver a mais recente gama de acessórios originais Land Rover Gear, pesquise ruas, seja em espaços abertos ou bosques, Acessórios Land Rover. o carinho que os cães demonstram quando lhes proporcionamos um passeio já provou SEMPRE PRONTOS ter benefícios consideráveis para a saúde mental dos donos, incluindo uma melhora na autoestima. Os donos de cães têm menos probabilidade de sofrer de depressão do que pessoas que não têm cães. Além disso, de um ponto de vista sociológico, as pessoas que passeiam com cães são vistas pelos outros como simpáticas e acessíveis. Hoje em dia, evidentemente, não passeamos apenas a pé, mas também de carro. Isto proporciona a nós e aos nossos cães o espetáculo do “passeio”, um momento alegre tanto para o cão como para o dono no qual as trivialidades da rotina diária são substituídas pelo gosto da emoção e da aventura, mesmo que apenas por uns instantes. Embora nem todas as raças de cães sejam aventureiras por natureza, os passeios despertam a curiosidade e o gosto pela descoberta na maioria dos cães, permitindo-lhes desfrutar de todas as situações novas e imprevisíveis. Um passeio de carro é uma festa para os sentidos de qualquer amigo com quatro patas. Algumas raças de cães têm mais de 200 milhões de receptores olfativos no nariz, comparados com os cinco milhões dos humanos. Por isso, abrir a janela do automóvel proporciona literalmente ao cão uma grande variedade de novas e fantásticas impressões efêmeras que o maravilham à medida em que cruzamos as estradas. O mesmo acontece com alguns dos instintos que o seu cão pode ainda partilhar com o antepassado de Stonehenge. Alguns pesquisadores sustentam que viajar na vibrante cabine de um automóvel em movimento proporciona ao cão a sensação de estar “de volta à matilha”, deslocando-se em alta velocidade num movimento sincronizado com o integrante favorito de toda a matilha (o dono), pois ao passar por objetos são acionados instintos antigos de perseguição ou caça. Entrar no carro é mais do que apenas uma oportunidade para uma escapada para os dois – na verdade, pode ser uma hipótese para o seu cão experienciar um regresso momentâneo a um estado primitivo e profundamente enraizado de felicidade. Quer seja com a trela toda, perseguindo bolas de tênis no parque ou a passeando ao nosso lado pelas estradas, os cães têm um talento natural inerente para nos deixarem felizes. E é uma dádiva que tenham evoluído até a perfeição com o passar dos milênios. Fazem de cada chegada em casa uma celebração, como se se tratasse do regresso de um viajante pelo mundo. Eles nos incitam a sair da cama, o focinho frio contra a nossa pele, a cauda abanando alegremente quando abrimos um olho. “Prontos para partir?” parecem querer dizer. E estamos. Eles rodopiam num frenesi de entusiasmo diante da expectativa de um passeio, quer seja à volta do quarteirão ou no campo. Tanto dormindo ao nosso lado, correndo pelos campos ou como nosso copiloto na próxima viagem, os cães partilham o nosso sentido de aventura, conosco sempre prontos para novas descobertas, alheios às patas repletas de lama, na esperança de que a navegação por satélite esteja desligada porque, como nós, têm a aventura no seu DNA. 58

“ESTUDOS DEMONSTRARAM QUE OS DONOS DE CÃES USUFRUEM DE VÁRIOS BENEFÍCIOS SOCIAIS E DE SAÚDE DECORRENTES DE PASSEAR COM OS CÃES, INCLUINDO MELHOR CONDIÇÃO FÍSICA, PRESSÃO ARTERIAL MAIS BAIXA E MENORES NÍVEIS DE DESGASTE” 59

 

Land Rover

Revista ONELIFE

 

A revista Onelife da Land Rover traz histórias do mundo todo que celebram a força interior e a motivação para ir além.

A Land Rover sempre significou liberdade de ir a qualquer lugar e a capacidade de fazer qualquer coisa quando se chegar lá. A última edição da revista Onelife saúda este espírito, transportando você ao redor do mundo para celebrar as aventuras que vão do exótico à rotina do dia-a-dia – de uma cidade no Himalaia Indiano onde clássicos Land Rover Série 1 e 2 reinam soberanos, até o incrível County Donegal, na Irlanda, onde o velejador Monty Halls curte sua família à bordo de um Discovery. 

A biblioteca

Outubro de 2018
Abril de 2018
Novembro de 2017
Abril de 2017
Outubro de 2016

Na cidade somos todos pedestres.

Jaguar Land Rover Limited: Registered office: Abbey Road, Whitley, Coventry CV3 4LF. Registered in England No: 1672070

Os números referentes ao consumo de combustível são resultado de testes oficiais do fabricante em acordo com as leis da UE, possuindo função puramente comparativa. O consumo efetivo de um veículo pode diferir dos alcançados em tais testes.